15°C 29°C
Urussanga, SC
Publicidade

Urussanga é uma das poucas cidades da região, que tem Defesa Civil estruturada

Com a chefia de Robson Miranda, a área virou referência na AMREC

11/05/2024 às 09h01 Atualizada em 11/05/2024 às 09h17
Por: Mauro Paes Corrêa
Compartilhe:
Foto: Arquivo/PMU/Ascom
Foto: Arquivo/PMU/Ascom

     De um setor que ocupava uma sala apertada, com equipamentos velhos e nem mesmo tinha um automóvel para deslocamento, para agora ocupar uma sala espaçosa, com mapas, monitoramento em tempo real das condições climáticas e referência na AMREC, precisou apenas de um ano, para a implementação efetiva da Defesa Civil em Urussanga.

        Até então, era um segmento que não tinha atenção devida da administração pública e nos tempos em que Rafael Sales comandava a pasta, além da do trânsito, usava seu próprio carro para praticamente todas as demandas, e ainda assim, conseguiu regularizar grande parte das documentações necessárias ao estado, ganhando o município, o selo de Resiliência, na categoria Prata.

Continua após a publicidade
Anúncio

       As últimas cheias, mostraram que muitas ações ,estão "afinadas", com o que a população precisa. Desde o empenho na liberação de valores pela Caixa, para os necessitados (FGTS), atingidos pelas águas de 2023, o envio da documentação para as outras esferas (estadual e federal), liberar recursos, colocaram Urussanga na frente da maioria das cidades da AMREC, com Miranda atuando como presidente do Colegiado da Defesa Civil. Posição importante, valorizada pelos outros participantes, reconhecendo o trabalho do atual Coordenador da Defesa Civil de Urussanga. 

Continua após a publicidade
Anúncio

      E agora, em 2024, com as cheias no Rio Grande do Sul, a Defesa Civil conseguiu realizar parceria com outros meios de comunicação, como uma rádio local, e conquistou a confiança da população. Entre a ida e volta ao RS, e equipe chegou extremamente cansada, e ao mesmo tempo, motivada por ter ajudado o próximo. Ainda precisam de maior apoio, como um carro 4x4 para deslocamento, novos equipamentos, e uma determinada verba pré-determinada, para uso em ações emergenciais.